Morre Mãe Hilda


Mãe Hilda

O Curuzu está de luto.

Ontem, a Bahia perdeu mãe Hilda, mãe do presidente do bloco afro Ilê Aiyê, Antonio Carlos dos Santos, o Vovô.

A notícia me chegou praticamente em primeira mão, quando a informação já corria no Curuzu, maior reduto negro de Salvador.

Agora, estão órfãos os Ilê, Vovô e os outros filhos biológicos e de santo da ialorixá que conduziu, por quase 40 anos, os desígnios desta agremiação de resistência e reafirmação da identidade negra no país.

A ialorixá tinha 86 anos e será sepultada nesta manha, no Jardim da Saudade.

Vai com Deus, Hilda Jitolu.

Anúncios

1 comentário

Arquivado em Atualidade

Uma resposta para “Morre Mãe Hilda

  1. Beto Falcão

    Independente da vertente religiosa é impossível negar a importância desta mulher, para o Ilê Aiê, para a comunidade do Curuzú e todo povo do candomblé. A Bahia está orfã outra vez de um dos seus ícones religiosos. Sendo filho do Curuzú, presto meus respeitos a tão nobre personalidade da cultura negra e me uno ao luto de tantos pela passagem de tão poderosa Ialorixá.

    Sem mais,

    Beto Falcão