Angolanos fazem curso no Brasil


Angolanos em treinamento | Foto: Divulgação

Ao que parece, a visita do governador do Mato Grosso do Sul, Blairo Maggi, a Luanda está estreitando ainda mais os laços entre Brasil e Angola.

Ele viajou a África no fim do mes passado com uma comitiva de 34 pessoas.

Apesar de toda a polêmica gerada pelo fato de o governo bancar a comitiva em viagem, agora, vejo na web o que pode um dos resultados desta aproximação diplomática.

O Grupo Odebrecht escolheu o Senai do Mato Grosso do Sul para qualificar 61 técnicos angolanos.

Os operários irão trabalhar na usina de açúcar e álcool que está sendo implantada pelo braço angolano do grupo brasileiro na província de Malanje.

A previsão é produzir 60 mil toneladas de açúcar e 50 mil metros cúbicos de álcool, para além de atuar na co-geração de 140 MW (MegaWatts) de energia elétrica.

CLIQUE AQUI e veja o que Blairo fazia da vida antes de ser governador.

Anúncios

Comentários desativados em Angolanos fazem curso no Brasil

Arquivado em Atualidade, Economia

Os comentários estão desativados.