Jesus, Maomé e as dissensões


Jesus e Maomé jamais imaginariam que as interpretações de suas convicções político-religiosas dividiriam o mundo em tantas nações.

Mas se Marx estava certo, esse “ópio do povo” – entendido por mim como uma deformação de filosofias tão nobres – tem envenenado muitas mentes islamitas e cristãs.

As dissensões entre os adeptos do cristianismo e do islã até hoje geram guerras, fazem vítimas e contradizem certas santas lições.

Uma pena o que acontece entre  islamitas, judeus e cristãos na África e no Oriente Médio.

Clique aqui e entenda a história de Maomé.

Anúncios

Comentários desativados em Jesus, Maomé e as dissensões

Arquivado em Atualidade

Os comentários estão desativados.