Sem luz em Angola e no Brasil


 

A chave do sistema de luz ficava atrás desta porta

A chave do sistema ficava atrás desta porta

 

Parece que São Pedro advinhou que pedi a alguns amigos para darem uma espiadinha no blog…

O guardião das chaves do céu mandou chuva e aí faltou luz em Itapuã, aquele bairro cantado em verso e prosa onde vivo desde 2005.

Desde ontem, ficamos às escuras, logo não pude atualizar esses caminhos de Angola que nos levam a África inteira.

Mas me fez lembrar o desespero de quando vivia na Matoso Camara, nas Ingombotas, em Luanda, e faltava luz.

Se era madrugada então…, era pior. Tínhamos que, primeiro, acordar nossa flatmate Mayra, por que a chave do sistema elétrico da casa ficava no quarto dela.

Depois, íamos lá fora ligar o gerador… Era uma mão-de-obra sem tamanho.

Coisas de Angola.

Aqui, pelo menos, quando falta luz, a gente não precisa acordar ninguém nem ligar o gerador.

A chateação é esperar 30 minutos no telefone para ouvir a atendente dizer que o fornecimento será regularizado em três horas.

Felizmente, é regularizado mesmo.

Coisas do Brasil.

Anúncios

Comentários desativados em Sem luz em Angola e no Brasil

Arquivado em Atualidade, Curiosidade

Os comentários estão desativados.